Português Italian English Spanish

O CALVÁRIO DA OPOSIÇÃO

O CALVÁRIO DA OPOSIÇÃO


A seis dias das eleições circula em todas as rodas de conversa uma pesquisa. Segundo os dados nela contidos, conforme o Instituto ESCUTEC, o candidato Raimundo Silveira-PROS, lidera com folga, pontuando com 55% contra 31% do seu opositor Remildo Fonseca-PDT.

Diante dessa situação, é absolutamente normal e compreensível que o candidato que está na frente divulgue e comemore eufórico e efusivamente. Enquanto isso, os simpatizantes   da candidatura oposicionista, sem argumento plausível para contestar, bradam nas esquinas e nos quatro cantos do município que o resultado não é confiável. Ora, a atitude oposicionista jamais poderia ser outra. Concordar, aceitar, ou aplaudir o resultado da pesquisa, seria no mínimo jogar a toalha. Fato, que nem um candidato faria, afinal, diz um adágio popular: "a esperança é a última que morre". 

Por outra via de raciocínio, não há mesmo outra saída para o PDT de Parnarama, a não ser absorver a amargura dessa realidade até o minuto final.

J. J. Pereira - jornalista DRTMA 00613JP é curto e grosso.